Not?cias

06.12.2023

Vendas de Natal devem movimentar mais de 1 bilhão e meio no comércio manauara

Compartilhe: WhatsApp

A chegada do período natalino está gerando grandes expectativas para o comércio varejista. De acordo com o levantamento realizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL Manaus), a data mais aguardada do ano deve resultar em uma receita bruta superior a 1 bilhão e quinhentos mil reais, apresentando um aumento de 6% no número de vendas em comparação com o ano de 2022. O ticket médio estimado é de aproximadamente R$ 170,00.

 

A pesquisa revelou que mais de 90% dos entrevistados pretendem presentear alguém neste Natal. O presidente da CDL Manaus, Ralph Assayag, compartilhou otimismo ao abordar o impacto positivo do pagamento do décimo terceiro salário e a resolução dos problemas logísticos relacionados à vazante.

"Nós acreditamos que o resultado vai ser muito bom, vamos ter o pagamento de 2 bilhões e meio do décimo terceiro. Isso inclui as parcelas do governo federal, estadual e municipal, além de contemplar todo o setor industrial e comercial. Então este é um montante considerável, e aquilo que não foi gasto na Black Friday igual ao ano passado, irá acontecer neste Natal."

 

Assayag antecipa um cenário propício para promoções neste final de ano, destacando a conjunção favorável de fatores que contribuirão para um Natal excepcional. "Acredito que mais promoções vão acontecer neste final de ano, então tem tudo para ser um grande natal, com o dinheiro que vai entrar, com a mercadoria que temos e com facilidades de parcelamentos que serão feitos”, explicou.

 

O que pretendem comprar

Os artigos de vestuários serão os itens preferidos para presentear neste natal com (59%); seguido de calçados (34%); brinquedos (26%); perfumaria/cosméticos (22%); eletrodomésticos (14%); vale-presente (10%); smartphone (9%); eletrônicos (8%); acessórios, bolsas, etc., e viagens (7%); joias/semijoias (6%); móveis de decoração e artigos esportivos (5%); games e jogos e outros (4%) irão comprar outros presentes e (2%) ainda não sabem o que vão comprar.

 

Quem será presenteado

Os filhos serão os mais serão presenteados nesta data com (58%); a mãe vem sem segundo lugar com (42%); 30% dos entrevistados informaram que irão presentear o cônjuge; (22%) a si mesmo; (19%) o pai; (12%) os irmãos; (11%) os sobrinhos (as); (9%) namorado (a); (7%) os amigos; (5%) os afilhados; (4%) avós; (3%) enteados (as) e (2%) os tios.

 

Pretensão de gastos

Em relação ao valor que pretendem gastar, (22%) disseram que pretendem gastar de até R$ 100; (27%) de R$ 101 a R$ 200; (24%) disseram que vão gastar entre R$ 201 a R$ 300; (12%) de R$ 301 a R$ 400; (8%) de R$ 401 a 500; (4%) de 501 a R$1.000 e (3%) pretendem gastar acima de R$ 1.000.

 

Fatores que influenciam na escolha do presente

A pesquisa mostra os fatores que influenciam na escolha do presente, (60%) dos participantes verificam promoções e desconto; (59%) a qualidade do produto; (40%) preço do presente; (22%) perfil do entrevistado; (17%) desejo do presenteado; (9%) o impacto que o presente irá causar; (8%) marca do presente; (2%) compram pensando no que os outros vão pensar, e outros (2%) são influenciados por outros motivos e tem aqueles que não sabem (2%).

 

Forma de pagamento

As principais formas de pagamento que serão utilizadas para pagar os presentes natalinos são: (59%) dinheiro; (25%) cartão de débito; (21%) pix; (21%) cartão de crédito parcelado; (9%) cartão de crédito (1x); (8%) crediário da loja.

 

Local de compra

Neste ano, o Centro da cidade (59%) será o principal local escolhido para as compras dos presentes; os shoppings centers (34%) vêm em segundo lugar; e em terceiro as lojas de bairro com (24%); na sequência vem a internet e lojas virtuais; e os supermercados com (16%) e tem ainda aqueles que pretendem comprar em outro lugar (5%).

 

A pesquisa foi realizada via Google Formulários aplicado através de e-mail marketing e aplicativo de mensagens instantâneas, no período de 22 a 29 de novembro. Cerca de 2.115 pessoas, entre homens e mulheres, maiores de 18 anos responderam à pesquisa.

 

Pagamento do Décimo Terceiro Salário

À medida que o ano se encaminha para o seu término, tanto empregadores quanto colaboradores aguardam com expectativas a tão aguardada Gratificação Natalina, popularmente conhecida como 13º salário. Para muitos, esse pagamento representa um recurso adicional que pode auxiliar na quitação de dívidas, na realização de projetos adiados ao longo do ano ou mesmo na aquisição de presentes para as celebrações natalinas.

 

Em Manaus, a expectativa é que sejam injetados na economia do Estado do Amazonas cerca de R$ 3.278.099.066 até o mês de dezembro. Estima-se que 981.084 pessoas receberão o 13º Salário este ano, o que equivale a um valor médio de R$ 3.061,30. A fim de compreender melhor como os manauaras planejam utilizar o Décimo Terceiro, a CDL Manaus entrevistou mais de 1500 pessoas, entre homens e mulheres, maiores de 18 anos, provenientes de diversas zonas da capital amazonense. O levantamento revelou que 52% dos entrevistados recebem a gratificação natalina e têm planos variados para o uso desse recurso.

 

 

O que pretendem fazer com 13º salário

Quanto ao destino do 13º salário, as principais intenções englobam antecipação de pagamentos (18%); realização de compras para as festas de Natal e Ano Novo (13%); poupança/investimento ou quitação de dívidas em atraso (11%); aquisição de produtos do dia a dia (9%); investimento em reformas/construção (7%); compra de produtos desejados (6%); cobertura de despesas básicas de casa (5%); pagamento de impostos e tributos ou reserva para despesas escolares ou compra de eletrodomésticos e eletrônicos (3%), e (2%) pretendem gastar com a saúde, viagens ou ainda estão indecisos.

 

Contratação temporária

Outro levantamento realizado pela CDL Manaus abordou a contratação temporária para o final do ano. De acordo com os dados da entidade, a previsão é que aproximadamente 4 mil pessoas sejam contratadas. Nesse contexto, os setores de confecção, sapataria, supermercados, lojas de brinquedos, eletroeletrônicos e varejo de artigos e armarinhos lideram as maiores contratações.

 

O presidente também discutiu a relevância das contratações temporárias para atender à significativa demanda de clientes durante o período festivo. "Estamos otimistas com a perspectiva de contratar cerca de 4 mil colaboradores. Acreditamos que aqueles que não investirem em contratações adicionais perderão vendas, pois a ampliação da equipe é crucial para proporcionar um atendimento mais eficiente aos clientes", comentou.

 

Ele ressaltou ainda que não investir em contratações pode resultar em perda de vendas, pois a necessidade de expandir a equipe é essencial para oferecer um atendimento de qualidade ao cliente, especialmente considerando que a maior movimentação ocorrerá durante o Natal.

 

O horário de funcionamento do comércio de Manaus será ampliado no final de ano

 

De 11 a 16 de dezembro: O horário será estendido em 2 horas, proporcionando mais flexibilidade aos consumidores para suas compras de final de ano.

 

De 18 a 20 de dezembro: A ampliação será ainda maior, com 3 horas extras.

 

De 21 a 23 de dezembro: O comércio estará aberto por 4 horas adicionais, permitindo que os consumidores finalizem suas compras de última hora.

 

Dia 24 de dezembro: As lojas fecharão mais cedo, às 18 horas.

 

Dia 25 de dezembro: O comércio permanecerá fechado.

 

De 26 a 30 de dezembro: O horário será novamente estendido em 3 horas, oferecendo uma janela adicional para os consumidores realizarem trocas e compras pós-Natal.

 

Dia 31 de dezembro: As lojas fecharão mais cedo, às 12 horas.

 

Dia 1º de janeiro: O comércio permanecerá fechado neste dia.

 

Supermercados e Shoppings

 

Alguns supermercados da cidade funcionarão ininterruptamente, operando 24 horas por dia, garantindo que os consumidores possam realizar suas compras de alimentos e produtos essenciais a qualquer momento.

 

Os shoppings da região também se adaptarão ao clima festivo, estendendo seus horários de funcionamento até a meia-noite, proporcionando uma experiência de compras mais conveniente para os clientes.

 

Essas mudanças buscam não apenas atender às necessidades dos consumidores, mas também criar um ambiente mais acessível e festivo para todos durante a temporada de celebrações.

 

 

Newsletter

Prêmio PQA 2019 Categoria Gestão 250 pontos
Prêmio PQA 2019 Categoria Gestão 250 pontos
Programa de conscientização com o objetivo de evitar o desperdício de recursos naturais
Programa de conscientização com o objetivo de evitar o desperdício de recursos naturais
Empresa certificada com a  ISO 9001:2015
Empresa certificada com a ISO 9001:2015
Prêmio IEL de Estágio Categoria Empresa Inovadora
Prêmio IEL de Estágio Categoria Empresa Inovadora